Buscar
  • GVBIM

A CONSTRUÇÃO DIGITAL É MAIS QUE A RENDERIZAÇÃO

Está na hora de nosso encontro semanal com o BIM. Este é o momento no qual descobrimos um pouco mais sobre ele, que é a grande estrela de nossos artigos. Hoje queremos trazer uma reflexão, com a ajuda de alguns renders que fizemos aqui mesmo na GVBIM. Queremos de forma mais imagética demonstrar as vantagens da construção digital em relação a outras metodologias de projeto. Se você procurar, encontrará outros artigos nos quais abordamos essa temática, mas não da forma que faremos hoje e não assim tão diretamente. Vem com a gente, que a conversa será no mínimo, interessante.

RENDERIZANDO O BIM




Primeiro vale explicar o que é uma renderização. Quando trabalhamos com recursos de mídia como imagens, vídeos e som, o trabalho bruto é realizado em um projeto e quando queremos “juntar” todas essas informações em um único arquivo de mídia, chamamos esta ação de renderizar, ou criar um render. Que seria a união dos elementos técnicos convertidos em uma mídia.

Trouxemos hoje alguns renders para exemplificar a fidelidade da Modelagem de Informação da Construção de forma imagética. Gostaríamos que você, leitor, fizesse o exercício de observar essas imagens. Nelas é possível ver uma clareza de detalhes incrível, perceba os efeitos que a luz gera ao interagir com os elementos ali presentes. Tudo isso só pode ser realizado pois hoje, com o nível dos avanços tecnológicos e com horas de trabalho intelectual, foi possível criar uma tecnologia que replicasse com tanta fidelidade a realidade.


A CONSTRUÇÃO DIGITAL É MAIS QUE A RENDERIZAÇÃO


Temos ali imagens que representam o que falamos sobre o BIM ser uma representação do mundo. Mas é aqui que trazemos a intenção deste texto. Quando nos deparamos com imagens renderizadas de um projeto em Building Information Modeling como essas, devemos sempre nos lembrar que cada um dos elementos ali presentes possui uma imensa carga de dados. Ou seja, não estamos falando só de uma imagem que se parece com o real. As informações ali presentes fazem com que cada pedaço daquela renderização seja uma representação digital do que o projeto será no mundo real.

A beleza das fotos é uma alegoria ao que podemos alcançar com projetos em BIM. Como falamos no início desta conversa, com o avanço tecnológico e o trabalho intelectual, hoje temos a chance de criar modelos que são visualmente parecidos com o real. Mas dentro do BIM não estamos falando só do fator visual. A grande fidelidade se aplica também ao projeto no geral, a parte invisível que somente a construção digital é capaz de proporcionar. Um aporte de dados avantajado que transforma aquilo que o cliente vê em uma representação totalmente fiel ao real.


A BELEZA ESTÁ NOS DETALHES


Nas imagens é possível se ter uma noção da riqueza de detalhes proporcionada pelos recursos de renderização que temos hoje em dia. Mas também existem os detalhes técnicos. Cada uma das peças e elementos ali presentes pode ser descrito de forma a deixar claro sua marca, modelo, tamanho e até mesmo data e hora de instalação. Detalhes são importantes na construção civil, como sempre mencionamos, sejam eles na beleza das imagens ou na grandeza das informações.







4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo